Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

COSMéTICAS.net

o «ESPAÇO» onde nem tudo o que parece é... música para os ouvidos !?

COSMéTICAS.net

o «ESPAÇO» onde nem tudo o que parece é... música para os ouvidos !?

Os mingongs ou a negação do milagre económico Chinês .................................(aussi en fr)............

31.03.10 | PortoMaravilha

 

 

Os mingongs são a energia do milagre económico Chinês . Eles são mais de 200 milhões de rurais privados da liberdade de poder circular.

Além de muito mal pagos , também os seus filhos não têm direito à escola gratuita nem direito à saúde. Os mingongs só têm um único direito : A residência passageira.

Zhang Hong escreveu na revista " O observador económico " que " os homens nascem livres e devem gozar do direito da liberdade de circulação".

A censura apagou todas as referências na Web a este apelo . E Zhang Hong foi despedido.

 

Fonte: foto :Libération du 23 mars 2010.

Nuno

100.000 visualizações, obrigado.

30.03.10 | Diácono do Espaço

 

Ninguém imaginaria com apenas praticamente meio ano de posts e publicações, que por esta altura já teriamos dobrado o marco das 100.000 visualizações. Nós editores do Cosméticas, estávamos longe de imaginar tal.

No entanto tal foi possível, com os variados assuntos e temas que já nos conhecem, e expostos aí ao lado na lista de etiquetas.

Temáticas desde Arte, Banda Desenhada (muito), Cinema (bastante), música (também), temas fracturantes da sociedade (oh, oh), históricos, literatura, bacoradas, cenas do caraças, enfim, vocês sabem do que estamos a falar...

 

Mas temos de salientar, que para esta primeira viragem da centena de milhar, destacou-se a etiqueta 'futebol', pelo interesse e gosto de nossos visitantes nesta temática, e de resto, o que nos apraz, pois realmente esses mesmos visitantes têm demonstrado que o futebol convive bem com os demasiados gostos culturais dos indivíduos e visitantes. Sabemos que depois de textos, ou videos/streamings live sobre futebol, muitos dos mesmos aficionados acabam por passar, antes de sairem, por vários e  variados outros temas em post, ou gostos temáticos do dia a dia. O gestor de estatísticas não mente...

 

Este desporto, que apaixona milhões, mas cada vez mais em perigo e descrédito, por tantas e recentes vezes envolto em polémicas e futeboladas de bastidores, ou antidesportivas no próprio campo, e agora em voga um forte crescimento de hooliganismo, são de facto problemas que de nada abonatórios, estão a atingir patamares muito preocupantes, e que sabemos, também extravasa Portugal. É uma problemática europeia e mundial. Aqui apresentaremos o nosso ponto de vista.

Até porque têm sido por aqui os próprios editores, em concreto os aficionados portistas, a porem o dedo na ferida, sobretudo não deixando de estarem na linha da frente para apontar o que lhes preocupa e denigre na modalidade, começando pelas sua casa, SAD, e adeptos, que não raras vezes tem sido assim feito, considerando que facil é desculpar os seus, e acusar os demais...

De salientar já agora, que de facto, apesar de pouco interventivos, temos o benfiquista, Lou Moreira, e o sportinguista anda agora por outras galáxias. Candidaturas aceitam-se :-).

 

Mas não querendo alongar mais por agora neste assunto, remetendo-o para o lugar e importância que lhe é devido, mesmo no nosso blogue - bem mais eclético! - dizer que  a 'tag' (etiqueta) antes denominada "futebol" passou a ser aqui por nós apresentado por "futebol: uma arena de morte?" , numa tentativa de expor o fenómeno numa perspectiva que nos preocupa, enquanto adeptos e amantes da modalidade.

 

De resto, Concluímos este post que assinala as 100.000 visualizações dando-vos conta de algumas curiosidades:

  • Sabia que o tema (aqui em post) "Testemunhas de Jeová", é o mais buscado e redireccionado a partir do google para o Cosméticas?
  • Que o "Kilt Português", vem logo em segundo lugar como apontador dos motores de busca?
  • Que apesar de Ser Portugal o país com mais frequentadores do blogue, se analisarmos a frequência por cidades, foi Paris durante muito tempo, e actualmente são as cidades do Reino Unido que mais visitantes nos transportam?
  • E, va-se lá saber porquê ;-) , buscas no google por "merdas giras e engraçadas", também são outras das palavras chaves que ajudam na facturação... :-)

 

Portanto, a todos quantos nos visitam, e regressam, nosso singelo obrigado. Vossas opiniões são por demais importantes, e sabem como dalas, ou por onde fazelas! Serão sempre apreciadas.

 

De todo o staff COSMéTICAS.org.

http://cosmeticas.org/30248.html

O top dos manequins contra a excisão! ................... Le top des mannequins contre l'excision! ................

28.03.10 | PortoMaravilha

 

 

 

Esta antiga manequim continua a sua batalha contra uma prática social que existe e persiste nos quatro cantos do mundo : A excisão .

Conheceu e sofreu a excisão . Os seus órgãos genitais foram cosidos algures no deserto da Somália , quando tinha três anos sem qualquer anestesia.

Fugiu a sua família e o seu país .

Com o tempo ,  tornou-se um dos maiores manequins  ligada à história da moda.

A autobiografia de Waris Dirie foi adaptada ao cinema . O filme está nas telas desde Março deste ano. (ver trailer)

 

Em 2002 , criou a "Waris Dirie Foudation " que luta contra a excisão.

 

Watch live streaming video from COSMéTICAStv at livestream.com

 

 

Nuno

Cet ancien mannequin se bat contre l'excision .

C'est une pratique qu'elle a subie et qui perdure aux quatre coins du monde.

L'autobiographie de Waris Dirie a été adaptée au cinéma . Le film , " Fleur du désert ", est sorti le 10 mars ( 2010 ) .

En 2002, elle  a crée la " Waris Dirie Foundation " qui lutte contre l' excision.

Source/photo : " Libération " , 9 mars 2010

Nuno

Equador à venda em DVD: Obrigado, mas dispenso!

27.03.10 | Paulo Jerónimo

 

 

A mais cara de sempre, e comungo, para mim também a melhor produção/adaptação nacional de um livro para tv até à data, está por esta altura a ser badalamente anunciada como colecção disponível em DVD. Apesar de me parecer que seu lançamento oficial fora já pelo último Natal, obrigado na mesma, mas, dispenso!

Com o livro já lido aquando da sua apresentação por episódios no canal responsável pela produção, a TVI, foi com entusiasmo que recebi a boa nova desta adaptação sobre a guerra de interesses comerciais provenientes dos produtos das colónias portuguesas, questionadas, e fortemente prontas a serem repremidas, pela coroa Inglesa.

Desde minha infância e que me lembre de existir um gravador VHS lá em casa, que me encontro aficionado no hobby das gravações caseiras,

nas coletas, busca e pesquisa de cartazes, recortes de revistas e jornais, tudo com a finalidade do encadernamento de uma caixa personalizada

das cassetes, e cadastramento com listagem da videoteca, alfabeticamente metódica, sendo que hoje aguardam digitalização para DVD boa parte delas.

Pelo que foi religiosamente com as maiores das naturalidades que nem pensei duas vezes em gravar, semana após, semana todos santos pisódios exibidos pelo canal, alias, 29, descontada a gafe de ter perdido apenas, um unico episódio, o nº 10 :-(.

 

Eu a vocês, não sei, mas aqui o Mr, até que estava capaz de comprar toda a colecção. Não que pelo facto de a transcrição agora feita pela produtora para DVD ter sido directa de HD nativo me dislumbre, mesmo sabendo tratar-se de uma tecnologia e qualidade não disponivel no canal de exibição a partir do qual gravei. De resto, nem os autoproclamados canais HD portugueses exibem na verdadeira exigência de um puro HD, mera publicidade enganosa, portanto. Em suma, HD's não me deslumbrariam trocas, quando em causa esta uma colecção 'única' , pessoal e intransmissivel, devidamente encadernada e masterizada em DVD, artesanalmente com estas mãozinhas.

Antes, o desafio de adquirir a colecção em mercado passaria sim, pelo colmatar da aquisição do episódio em falta, ou, pelas suas mais de 1:30 horas de extras e bastidores, disponíveis.Tentação!

 

Para quem não leu o livro, esta colecção DVD não será a mesma coisa... ou vice-versa para quem só assistiu ao tele-romance, um formato não substitui o outro, complementam-se. Tirando a introdução 'na tela' de algumas personagens não existentes originalmente no livro, mas em em contrapartida, a fidelidade das narrações, episódios e espirito envolvido no originalmente lavrado pela mão do autor, garante-se (o Mr) : não desilui nem pouco mais ou menos.

PC Jerónimo da Silva

A Gaita de Foles: Da Europa até o Brasil ................ La Cornemuse : De l' Europe jusqu'au Brésil ...........

26.03.10 | PortoMaravilha

 

 

A Carta de Pedro Vaz de Caminha já citava a gaita de foles . Esta foi o primeiro instrumento Europeu a se ouvir no Brasil.

O álbum do músico Galego , Carlos Núnez , " Alborada do Brasil " , elaborado com a nata da música popular Brasileira ( Lenine , Carlinhos Brown ... )

Foi no Brasil que a cultura mediaval da Galiza e do Norte de Portugal ( cantigas de amor ... ) se misturou para ser contemporânea e universal .

 

Nuno

Alice in Wonderland: Entre o cinema mudo e os efeitos especiais, venha o Diácono e escolha.....

25.03.10 | Paulo Jerónimo

 

Se Nuno nos recordou no post de ontem, uma das facetas relacionadas com o dilema levantado num frente a frente »da Sétima vs a Nona Arte« (Cinema vs BD), eu aproveitava a deixa para me concentrar no confronto geracional existente dentro da própria Sétima arte presente em Alice no País das Maravilhas .
Trocando por miúdos, e para os mais distraídos, no fundo "Alice in Wonderland" é uma película, tão antiga como desde 1903, tendo conhecido bons toques e "arranjos de maquilhagem cosmética", adaptando e atravessando vários formatos transversais à era dos filmes aqui apresentados por:

(1) - "silenciosos" (sem qualquer dialogo nem banda sonora), (2) - passando pelos "filmes mudos" (sem dialogos, mas com banda sonora à acompanhar), (3) - entrando na "era do sincronismo sonoro P&B" (com voz, diálogos/narração, à preto e branco) , (4) - cavalgando pela "era das cores".

 

Revisitando o tema, assim de repente, diria que este filme acabou por isso sendo transversal à todo o século 20,  conhecendo grandes lançamentos nos anos de 1903, 1915, 1933, 1951, 1976, 1985, e 1999. 
Pelo que, nem o Grande Mestre em clichés, do "vira o disco e toca o mesmo": James Cameron, com seus 3D's acompanhado de mil e uma mariquices de efeitos especiais, conseguiria trazer à velha estória, neste momento, grande coisa de novo...

 

O que aguardar então desta 1ª "grande versão" séc. XXI?

 

Acho que será a mesma mágia de sempre!

Para que não restem dúvidas, e o agora aqui citado não passe por mero "31"de boca :-) , será precisamente essa umas das próximas etiquetas em exibição alí ao lado, na COSMéTICAS tv. Alice in Wonderland. A não perder: os desenvolvimentos em cartaz.

 

Watch live streaming video from COSMéTICAS tv at livestream.com

Post que pode, e deve ser lido, como continuação "deste" e  "deste".


PC Jerónimo da Silva

Alice no País das Maravilhas: Entre a BD e o Filme que o diabo escolha! .................(aussi en fr)........

24.03.10 | PortoMaravilha

 

 

 

No mesmo momento em que as salas de cinema dão a conhecer a versão cinematográfica ( de Tim Burton ) do conto de Lewis Carrol , as livrarias especializadas dão a conhecer a versão em Banda Desenhada da obra prima de Lewis Carrol .

 

Os autores , David Chauvel e Xavier Collete , conseguiram criar um álbum fantástico que presta homenagem a este conto onírico que continua moderno.

Este post pode ser lido como a continuação de " Alice no País das Maravilhas em 3 Dados "

 

Fonte/Foto : A capa do álbum BD

Nuno

O regresso de Alizée? ............ Alizée est de retour?

23.03.10 | PortoMaravilha
 
 

 

 

Em 2000 , Alizée , com quinze anos de idade conquistava os " hit-parades ".  

Hoje , passados dez anos ,  já casada e mãe , Alizée regressa à cena com um quarto álbum criado e dirigido pela nata do " underground Parisiense " : Une enfant du siècle .

A  publicação do referido álbum está prevista para o fim deste mês de Março.

 

Fonte/Foto :  Revista " Next  " , Março 2010 , p. 51

 

Nuno

Pág. 1/4