Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

COSMéTICAS.net

o «ESPAÇO» onde nem tudo o que parece é... música para os ouvidos !?

COSMéTICAS.net

o «ESPAÇO» onde nem tudo o que parece é... música para os ouvidos !?

Os projectos futuros de Coppola ......... (aussi en fr)

22.12.09 | PortoMaravilha

 

 

Les projets futurs de Copolla

 

Francis Ford Copolla a marqué quatre decennies de cinéma. Dans l'entretien qu'il accorde à "Libération" ( 19 et 20 déc ) , il évoque ses projets futurs. 

 

Voici ce qui me semble très intéressant : " Tout est devenu reproductible. J'en reviens encore à mon "live cinéma" , le digital ouvre des horizons , le cinéma devient malléable. C'est la première fois que j'en parle, mais j'ai envie d'un film qui serait différent d'un jour à l'autre, le film projeté le lundi ne serait pas le même que celui de vendredi. Une forme malléable enfin vivante , que je pourrais contôler depuis chez moi et envoyer à autant d'écrans que je veux : c'est ça le miracle du digital , pas de faire voler Superman. Il faut tirer le digital vers une forme sur laquelle on pourrait intervenir de jour en jour au moment de la projection. Seul le "live" , l'expérience unique peut contrer la DVD ".

E Viva o Porto !

 

 

Francis Ford Coppola deu uma enorme entrevista ao diário "Libération" de 19 e 20 de Dezembro deste ano. No fim da entrevista (4 páginas) , Coppola fala dos seus projectos e ideais.

 

"Tetro" (2009) é em preto e branco, mas a cor aparece sempre que filma uma lembrança e Tetro é o filme duma lembrança insuportável ?

Associo a cor em Tetro a um homem movie, "tipo super 8" que filmávamos no Natal quando éramos crianças. Martin (Scorsese) também fez muitos. Também comecei o cinema assim.

 

Os seus últimos filmes foram rodados fora da América: Roménia, Argentina. Há um certo romantismo a imaginar-se como um cineasta exilado ?

É em parte devido a razões económicas que rodo fora. Se quero realizar um filme como o entendo tenho que realizá-lo eu próprio (...)  Rodar longe implica uma certa solidão e esta pode pesar. Digo isto, mas é possível que o meu próximo filme seja rodado no Brasil.

 

Pode dizer mais sobre este projecto ?

Estou a trabalhar sobre dois cenários. Um que se pode rodar nos Estados Unidos e um outro que se pode rodar no Brasil . Ambos sobre uma ideia original. Estou a tomar gosto. Há algo no ar de interessante para o cinema. Tal como a pirateria, que não poderemos parar. Tudo se tornou "reprodutível" . E volto de novo ao meu "cinema live" , o digital abre horizontes, o cinema torna-se maleável. É a primeira vez que falo disto , mas desejo um filme que seria diferente dum dia para outro. O filme projectado segunda não seria o mesmo de sexta. Uma forma maleável, finalmente viva que poderia controlar desde minha casa e mandar para quantos ecrãs quisesse : É isso o milagre do digital e não o de fazer voar Superman. É preciso levar o digital para uma forma na qual possamos intervir , diariamente, no momento da projecção. Só o "live" pode combater o DVD.

 E Viva o Porto !

 

2 comentários

Comentar post